Vista Alegre associa-se à Make-A-Wish Portugal com campanha solidária

VISTA ALEGRE APRESENTA “BODE INSPIRATÓRIO”

Uma Coleção de 46 chávenas de café surgiu em tempo de confinamento e reúne 46 autores e 46 ilustradores.

Parte do valor da venda reverte como donativo para a Make-A-Wish concretizar desejos de crianças e jovens gravemente doentes.

Segundo o comunicado de imprensa:

A Vista Alegre, marca portuguesa de Porcelana, Cristal e Vidro, continua a inovar em cada peça ou coleção que cria e apresenta.

Numa altura em que o Mundo gira em torno da pandemia, a Vista Alegre surpreende com o lançamento de uma inédita coleção de 46 chávenas de café e respetivos pires, nascida da inspiração de outros tantos autores e artistas visuais.

A história destas peças remete-nos para março de 2020, altura em que Portugal foi confrontado com um confinamento sem precedentes.

Numa mudança a todos os níveis inédita, a criatividade assumiu um papel importante para nos confrontarmos com essa nova realidade. Foi, nesse contexto, que surgiu o projeto “Bode Inspiratório”.

A jornalista Ana Margarida de Carvalho desafiou 46 escritores de todas as áreas-poesia, ficção, e literatura para a infância -, a escreverem 46 capítulos de um folhetim diário publicado “online”, intitulado “Bode Inspiratório”. O resultado deste processo deu origem a um livro “Bode Inspiratório”, editado pela “Relógio D’Água”, com escritores como Mário de Carvalho, Ana Luísa Amaral, Gonçalo M. Tavares, Inês Pedrosa, Afonso Cruz, Isabel Rio Novo, Valério Romão e Luísa Costa Gomes, entre outros.

O processo criativo desenvolveu-se ao longo de 46 dias. Neste período cada autor escreveu, em 24 horas, um capítulo e passou ao autor seguinte, que deu continuidade à história com o seu novo capítulo. Este projeto, ao ser escrito em pleno confinamento, vem demonstrar como a criatividade contribui para superar os momentos mais complexos da sociedade.

Mais tarde, com a curadoria da escritora Adélia Carvalho, “Bode Inspiratório” reúne 46 nomes da área da ilustração, entre artistas já consagrados e outros em início de carreira, como Marta Madureira, João Fazenda, Yara Kono, Gonçalo Viana, Madalena Matoso, Afonso Cruz, Valter Hugo Mãe, Jaime Ferraz, Madalena Moniz, Cátia Vidinhas, Evelina Oliveira e David Pintor, entre outros, e entrega-lhes os capítulos para os ilustrarem, juntamente com uma chávena em branco da Vista Alegre.

As 46 ilustrações que surgiram da inspiração e criatividade dos 46 ilustradores dão agora lugar a 46 chávenas de café em porcelana Vista Alegre, reunidas na coleção “Bode Inspiratório”.

As 46 chávenas resultam, assim, de um trabalho tripartido. Dos escritores, que criaram a história; dos ilustradores, que a interpretaram e a transformaram em imagens, e da Vista Alegre que, com base nessas mesmas ilustrações e em colaboração com a curadora e os ilustradores, recriou o imaginário desses artistas, passando a sua arte para as 46 peças da coleção.

Ao beber um café em cada uma das chávenas, somos convidados a espreitar para dentro de cada um de nós e para o Mundo que nos rodeia que, súbita e inesperadamente, ficou “virado do avesso”.

A coleção está à venda na rede de lojas da Vista Alegre e na loja online em www.vistalegre.com , revertendo parte do valor da venda para a Make-A-Wish, uma entidade sem fins lucrativos, que tem como missão proporcionar experiências únicas, através da realização de desejos, a crianças e jovens gravemente doentes, levando-lhes desta forma força, alegria e esperança. A realização de um desejo é muitas vezes, segundo Mariana Carreira, CEO da Make-A-Wish Portugal “o ponto de viragem na forma como a criança /jovem encara a fase que está a viver”.

Nuno Barra, administrador da Vista Alegre adianta que “esta é uma coleção disruptiva, que surge numa altura em que o Mundo se confronta com muitas incertezas, mas para as quais temos que responder com soluções criativas para as atenuar. Colocar a imaginação criativa de 46 autores e o traço genial de 46 ilustradores em 46 chávenas faz deste conjunto de café em porcelana, a “cafeína” perfeita para dar alegria às nossas vidas. Não quero falar em nomes, uma vez que seria fastidioso referir 92 pessoas que se associaram a este desafio da jornalista Ana Margarida Carvalho e da Adélia Carvalho. Mas, não posso deixar de me congratular ao ver reunidos alguns dos mais prestigiados autores portugueses dos séculos XX e XXI, o mesmo acontecendo com os artistas visuais que ilustram as chávenas com base nos textos dos escritores que se associaram à inédita iniciativa. É uma honra para a Vista Alegre, contribuir, uma vez mais, para ajudar a promover nacional e internacionalmente os nossos escritores e ilustradores. Uma palavra especial de agradecimento a Adélia Carvalho, pela forma como se dedicou na coordenação do projeto. Sendo a Vista Alegre desde 1824 uma marca próxima das pessoas, não poderia, numa fase tão complexa a nível mundial, deixar de dar expressão ao seu ADN e contribuir com esta coleção plena de humor e sensibilidade para alegrar as nossas vidas. Aproveito para sublinhar a vertente humana e solidária desta coleção ao consignar parte do valor da venda para a Make-A-Wish. Contribuirmos para o concretizar dos desejos de crianças e jovens gravemente doentes significa, para nós e para os artistas envolvidos no projeto, um enorme conforto”.


Contador de Desejos

1 5 2 6