O Duarte gostava de estar com o melhor jogador de Boccia do Mundo!

“Um menino muito simpático, falador e que se sabe expressar muito bem. Tem as suas ideias bem definidas, justificadas e sabe muito bem o que quer.” Foi assim que as voluntárias nos contaram quem era o Duarte! 

Uma das coisas que mais sorrisos coloca na cara do Duarte é o Boccia, uma modalidade paralímpica individual ou de equipa a crescer ao nível da competição. O Boccia é para o Duarte uma forma de “mostrar o que vale”, uma motivação e esperança para o futuro e por isso tem uma enorme determinação em aprender e crescer enquanto jogador. Como nos contou quer “chegar à seleção e mais ainda”! 

O Duarte desejava conhecer “o melhor jogador de Boccia do mundo”. O contacto com um jogador de topo era uma forma de absorver experiência, técnicas e dicas para se inspirar e motivar a ser melhor. Poder vê-lo jogar, ter um momento com ele em que lhe pudesse fazer algumas perguntas (quem sabe até jogar um pouco) era algo com que o Duarte sonhava. 

Para realizar o seu desejo levámos o Duarte até Liverpool, onde se realizou o Campeonato de Mundo de Boccia para que pudesse ver de perto a competição e os grandes jogadores da modalidade e fazer a importante questão que guardava para o melhor deles: “quais são as dicas que me pode dar para eu ser o melhor jogador do mundo?” 

Foram dias de grande felicidade que acreditamos que guardará para sempre na sua memória! 

Muito obrigada ao Santander por nos ajudar a realizar o desejo do Duarte. 

Desejo apadrinhado por: Banco Santander Totta


Contador de Desejos

1 2 8 7